Card image cap

Reprodução/internet

Abertas inscrições para o serviço de acolhimento Família Acolhedora

09 de Novembro de 2021 | Assistência Social
Compartilhe:

As inscrições para a seleção do programa Família Acolhedora estão abertas e seguem até o dia 17 de novembro. O programa tem por finalidade o atendimento de crianças e adolescentes com direitos ameaçados ou violados, de forma a proteger seus direitos e garantias fundamentais previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente.

 

Os interessados em participar da seleção devem ir até a Secretaria Municipal de Assistência Social das 8h às 13h30 com os documentos previstos no edital: Ficha de Cadastro (fornecida pela Secretaria de Assistência Social); Cópia de documento de identificação com foto, de todos os membros da família; Cópia de Certidão de Nascimento ou Casamento, de todos os membros da família; Cópia do Comprovante de Residência; Certidão Negativa de Antecedentes Criminais de todos os membros da família maiores de 18 anos; Cópia do comprovante de atividade remunerada de todos os membros da família; Atestado médico informando o estado de saúde mental e física dos responsáveis pela família; Declaração do banco com número da agência e conta em nome do responsável.

 

As famílias selecionadas a participarem do serviço irão acolher crianças e adolescentes afastados da família de origem e devem ter condições de recebê-los e mantê-los condignamente, oferecendo os meios necessários à saúde, educação e alimentação, com acompanhamento direto da Secretaria Municipal de Assistência Social, do Conselho Tutelar e do Poder Judiciário. Os acolhedores selecionados irão receber um subsídio financeiro para cobertura das despesas durante o acolhimento.

 

Para participar alguns requisitos são: ter idade mínima de 21 anos, sem restrições de sexo e estado civil; firmar declaração de desinteresse na adoção; residir no mínimo um ano no Município de São Miguel do Tocantins/TO e ter disponibilidade de tempo e condições de saúde física e mental para proporcionar a convivência familiar, social e comunitária às crianças e adolescentes.

 

“É importante que as famílias que possuem esses requisitos participem da seleção. Temos crianças e adolescentes precisando do acolhimento dessas famílias”, explica a superintendente da secretaria de assistência social Railene Reis Miranda.

 

Confira o edital aqui.